Este site é desenvolvido por entusiastas e admiradores do artista Silvio Santos e não possui nenhuma ligação com empresas do Grupo Silvio Santos.

14 de nov de 2008

Participação Especial: Silvio Santos

Corre o boato de que o SBT poderá reexibir a novela Carmem, transmitida entre 1987 e 88 pela Rede Manchete. Em 180 capítulos, a trama de Glória Perez teve direção de Luiz Fernando Carvalho, Nelson Nadotti e Marcos Schechtmann e direção geral de José Wilker, inspirada na famosa ópera de Bizet.

O que interessa para nós é que essa novela contou com uma participação especial inusitada: a de Silvio Santos. A personagem Creuza, vivida pela atriz Bia Sion, era uma moça tímida, que tinha muita dificuldade para conseguir um namorado. O que ela faz? Recorre ao famoso quadro do Programa Silvio Santos Namoro na TV!



A cena foi gravada no Teatro Silvio Santos, como uma gravação normal do Programa, ao lado de outros participantes reais. Já na tela da Manchete, a mãe de Creuza, interpretada por Liana Duval, a amiga (Julia Lemmertz) e o irmão (Paulo Gorgulho) estão assistindo ao Programa Silvio Santos e se surpreendem. O outro personagem, Camilo Bevilacqua é o que assiste sozinho ao programa e se encanta com Creuza.

Bia Sion, em seu blog, relembra a gravação:
Fui a Sâo Paulo junto com a Glória e o Luiz Fernando Carvalho (o diretor) e nos bastidores do programa conversamos com as candidatas reais. Pude arrecadar várias informações verídicas e utilizá-las na hora. Improvisei a cena frente a frente com Silvio Santos e sua famosa platéia. Ele me entrevistou como se realmente eu fosse uma candidata, imaginem, eu como Creuza contracenei com um personagem real. E nossos dois produtores tb entraram em cena como supostos pretendentes, são eles que aparecem no final. Foi uma experiência única na minha vida.




O sucesso popularizou a personagem Creuza, que conseguiu engatar um namoro com Hélio (Camilo Bevilacqua). Para celebrar o compromisso, Creuza, ao lado do seu amado, voltou ao palco do Teatro Silvio Santos para mais uma cena.



Foi considerado um fato inédito uma emissora de televisão divulgar com tanta liberdade o canal concorrente. Pois não foi apenas uma participação especial de um artista de outra emissora, mas um verdadeiro exercício de metalinguagem, proporcionado em horário nobre por duas redes de televisão. O SBT participou liberando suas gravações para a Manchete, recebendo no estúdio atores, autora, diretores e produtores da rival, cedendo seu espaço. Silvio Santos não foi o único a atuar na Manchete, na ocasião. Lombardi também passou um texto comercial, sobre o Baú da Felicidade!

Não foi inédito o fato de Silvio Santos ter participado de uma novela. Em 1970, Silvio Santos fez uma participação especial na novela Pigmalião 70, da TV Globo, vivendo o apresentador do Programa Silvio Santos, que ele próprio comandava, na época, na Globo.

Curiosidade: na gravação, feita no começo de 1987, já é nítido o problema na voz de Silvio Santos, que começava a ficar mais grave e rouca. Era o cansaço de suas cordas vocais, que, no final do ano, já o impediam de falar por muito tempo. Ele fez um tratamento médico e foi operado, nos Estados Unidos. Seu afastamento provocou comoção nacional, até Silvio retornar num emocionante domingo de 21 de fevereiro de 1988. Mas isso já é outra história, que nós um dia iremos contar com todos os detalhes aqui no Baú do Silvio...

As fotos que ilustram este post foram extraídas do site oficial de Bia Sion, na seção Matérias.

Assista no YouTube a primeira participação de Bia Sion, como Creuza, no Namoro na TV:


Colaborou Jorge Luis Monteiro
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas