Este site é desenvolvido por entusiastas e admiradores do artista Silvio Santos e não possui nenhuma ligação com empresas do Grupo Silvio Santos.

12 de dez de 2009

Parabéns, Silvio Santos!

SILVIO SANTOS, O HOMEM-SORRISO DA TV BRASILEIRA

Silvio Santos é o maior comunicador da história da televisão brasileira. Se é difícil encontrar alguém que não goste dele, é impossível achar quem não respeite sua trajetória, de garoto camelô que, graças a um talento úmico para se comunicar, ergueu um grupo empresarial que investe em televisão, varejo, financeiras, seguradoras, cosméticos, hotelaria e muito mais.

O Silvio que o Brasil aprendeu a gostar é o animador de auditório. E explicar o segredo de seu sucesso não é tarefa simples. Seu carisma é uma combinação de diversos fatores, dos quais a voz é talvez o traço mais marcante. Mas é pouco para entender o motivo de o público, tanto em casa como no auditório, se sentir tão íntimo do apresentador. Tanto carinho que já o fez querer ser Presidente do Brasil para tentar retribuir.

Silvio Santos estreou na televisão aos 32 anos, em 1962. O Programa Silvio Santos passou pelas emissoras TV Paulista, Globo, Tupi, Record de São Paulo, TVS do Rio de Janeiro e SBT, chegando a ter mais de 10 horas de duração, ao vivo, e foi líder absoluto de audiência desde fins dos anos 60 até 1989. Domingo sem Silvio Santos não é domingo, e o Homem-Sorriso da Televisão (apelido que ganhou nos anos 60) foi homenageado pelos Titãs na música "Domingo", consagrando-o como ícone da cultura popular.

O Homem do Baú tem uma centelha única e, apesar de imitado, não encontra sucessores. Traz o estilo de velhos nomes da velha guarda dos tempos do rádio, como César de Alencar, mas sempre atualizado. Silvio não envelhece nunca, é sempre o mesmo. Brinca, ri, improvisa e surpreende. Algumas peripécias não são mais possíveis devido a idade, como descer por uma corda de um helicóptero para dentro de um barco (como fez no Sinos de Belém, nos anos 70), descer de tobogã (Show de Prêmios, em 1990), cair num tanque com água (Topa Tudo por Dinheiro, 1992) ou carregar uma colega de trabalho nas costas (Topa Tudo por Dinheiro, final dos anos 90), mas ainda faz muitas maluquices que estão a seu alcance. Neste ano, por exemplo, bateu no teto do estúdio com uma vassoura para tirar dinheiro que jogara e ficou preso, e ergueu no colo uma moça (magrinha) do auditório para examinar seu peso.

Uma característica que só Silvio Santos tem é a capacidade de conseguir tirar o maior barato da pessoa e ela não ficar ofendida. Há uma liberdade muito grande entre Silvio Santos e suas colegas de trabalho. As brincadeiras mais picantes não são vistas com malícia, pois Silvio não as emprega por maldade. Mas Silvio também fala sério, e da vida, sem rodeios, compartilhando os problemas de quem vai a seu programa. Numa ocasião, na Porta da Esperança, uma mulher desejava ganhar um tratamento para uma dor na coluna. Silvio disse que também sofria desse problema e trocou experiências por longos minutos com a participante, como se fossem dois vizinhos papeando no portão. Até que acabou revelando que ela ganharia consultas com o próprio médico que o tratou.

E adora fazer o papel de escada (aquele humorista que dá as deixas para que o outro faça as piadas). Nos anos 80, foram clássicos os momentos no Show de Calouros em que Sergio Mallandro deitou e rolou após ser provocado por Silvio. Mas Silvio não deixava por menos e também tirava um sarro da cara do Mallandro. Tudo sem script, no improviso. Atualmente, Silvio encontrou em Livia Andrade uma parceira cara-de-pau ideal para as gozações. Outras vítimas de brincadeiras são os parceiros de longa data Roque, que organiza as caravanas e cuida do auditório, e Lombardi, o eterno locutor do programa, falecido recentemente e que deixou muitas saudades.

Ele diz e faz coisas que nenhum outro apresentador teria coragem de dizer. Como quando recebeu Roberto Carlos em 1992, no Troféu Imprensa, examinou suas correntes e pulseiras e, ao final, disse ao Rei da Música Popular: "saia por ali, mas não vire à esquerda, senão vai entrar no banheiro!". Essa espontaneidade permite a Silvio ser um apresentador completo. Em quase 50 anos de carreira na TV, apresentou concursos, jogos, programas infantis, musicais, debates, entrevistas, consultório sentimental, programas de namoro e reality show. Provavelmente, só não narrou futebol nem apresentou noticiário.

Talvez um pouco do que foi dito aqui seja capaz de explicar em parte por que Silvio Santos se tornou uma das maiores personalidades do Brasil. Hoje, no dia em que completa 79 anos, nós lhe desejamos muitas felicidades e saúde para que continue alegrando os nossos domingos!

Um comentário:

  1. Sílvio é incomparável. Mesmo que muitas pessoas não gostem dele e de seu estilo de apresentador, jamais poderão negar a importância dele para a comunicação no país. Eu cresci vendo Silvio e sua imagem estará sempre guardada na minha cabeça como um marco da televisão brasileira.
    Vida longa ao Sílvio e que suas peripécias continuem divertindo nossos chatíssimos domingos (onde sempre tudo é muito igual, em todos os canais) e Silvio aparece com suas abobrinhas para alavancar a audiência do SBT.
    Mesmo há tantos anos no ar, Silvio Santos esteve em vice liderança isolada por muito tempo em seu programa do último domingo (10/01), batendo Gugu e, em alguns instantes, a Globo com seu tradicional programa, que há tanto tempo estamos acostumados a assistir.

    ResponderExcluir

Atenção:

Comentários anônimos poderão ser excluídos.

Os comentários são moderados. Os editores se reservam ao direito de excluir comentários ofensivos, injuriosos, agressivos ou não condizentes com a postura editorial e a proposta deste blog.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

As mais lidas